• Reflexão e Conversão

    Ouve, ó Filha, o que Eu tenho para te dizer

    Ó mulher, lança um olhar para Mim, flagelado até o sangue e coroado de espinhos! Contempla as Minhas contusões e chagas!… Depois escuta e reflete! Na vida terrena Eu me mostrei um manso cordeiro. Subi ao Calvário sem abrir à boa. Tratei com doçura a Samaritana e a converti. Toquei o coração da pecadora de Magdala e fiz dela uma predileta Minha. Ao longo das estradas da Palestina saiam da Minha boca palavras de luz, de paz e de amor. Os Meus ensinamentos eram doces como o favo de mel. Um dia, porém, lançando um olhar Divino sobre todos os séculos, à vista do mal que inundava o mundo, pronunciei…

  • Reflexão e Conversão

    O pecador não quer obedecer a Deus

    A saeculo confregisti iugum meum, rupisti vincula mea, et dixisti: non serviam ― «Quebraste desde o princípio o meu jugo, rompeste os meus laços, e disseste: não servirei» (Jer 2, 20). Sumário. Grande Deus! Todas as criaturas obedecem a Deus, como a seu supremo Senhor; os céus, a terra, o mar, os elementos obedecem-lhe de pronto ao menor sinal. E o homem, mais amado e privilegiado de Deus do que todas essas criaturas, não quer obedecer-lhe, e cada vez que peca, diz por suas obras com inaudita temeridade a Deus: Senhor, não Vos quero servir ― Confregisti iugum meum, dixisti: non serviam. Irmão meu, é isso o que tu também fizeste, se…

  • Reflexão e Conversão

    Sê santo

    1. O próprio Deus declara santo o velho Simeão, dando-lhe na Sagrada Escritura o título de justo timorato. A justiça e o temor de Deus dispõem o coração a receber Nosso Senhor. Aquela unir-se-á com Cristo, removendo o que lhe desagrada e adquirindo o que lhe apraz. Este te conservará em íntima união, preservando do desprezo de coisas pequenas. A perfeição não consiste no extraordinário e sim na fidelidade nas coisas pequenas. Transparece de tua vida a justiça em todos os atos e o santo temor do Altíssimo? 2. Esperava a consolação de Israel. a) Simeão, sabendo da promessa dum Salvador, esperava firmemente sua vinda. Tinham passado séculos; o mundo mais e mais indigno…