Termo: Bem-aventurados

« Back to Glossary Index

Bem-aventurados são os justos que, imediatamente após a morte, vêem a Deus face a face e O amam com amor beatífico. Nem todos porém, gozam essa felicidade em grau igual, sendo todavia completamente felizes em qualquer grau de gozo. Disse Jesus que são bem-aventurados, os pobres em espítiio: os mansos; os que choram: os que têm fome e sede de justiça; os misericordiosos; os que têm o coração puro; os pacíficos; os que padecem perseguição por amor da justiça. Todos eles têm recompensa abundante no Céu.

São pobres em espírito os que têm o coração desprendido das riquezas e os que não as invejam; são mansos os que não provocam as iras, e os que aceitam resignadamente as provações da vida; os que choram lágrimas de resignação, de contrição e de amor; têm fome e sede de justiça os que desejam conhecer, amar e servir a Deus; são misericordiosos os que sofrem do sofrimento alheio e de uma maneira constante e universal; têm o coração puro os que não amam senão o que devem amar; são pacíficos os que esquecem as injúrias e detestam as querelas.

Assim se podem explicar as primeiras palavras do Sermão da Montanha pregado por Jesus Cristo (E. S. Mat. V, 3 12).

Este texto foi útil para você? Compartilhe!
« Voltar para índice