Termo: Bens

« Back to Glossary Index

Todo o bem do homem consiste na sua sujeição a Deus. O bem da alma é melhor que o bem do corpo, e o deste é melhor que os bens exteriores. Nos bens espirituais deve o homem atender primeiro a si mesmo do que aos outros; nos bens temporais é louvável que atenda primeiro aos outros. Os bens corporais são quase de nenhum valor em comparação dos bens futuros. Os bens temporais não são prêmio de virtude, nem a sua subtração é principalmente pena de pecados. Deus dá aos Justos os bens ou males temporais somente quando lhes convêm para a sua bem-aventurança. Todos os bens e todos os males temporais acontecem igualmente aos bons e aos maus, quanto à substância, não quanto aos fins. Os bens espirituais não apetecem aos que têm afeto aos prazeres do corpo, principalmente ao da incontinência. O bem moral consiste principalmente na conversão a Deus, o mal consiste na aversão. Os bens espirituais saciam perpetuamente; não assim os temporais, porque estes pouco a pouco se corrompem.

Este texto foi útil para você? Compartilhe!
« Voltar para índice