Oração pelas necessidades da família

Ó Deus de bondade e misericórdia, à vossa proteção onipotente recomendamos nossa casa, nossa família e tudo quanto possuímos. Abençoe-nos a todos como abençoastes a sagrada família em Nazaré.

Santíssimo Redentor Jesus Cristo, pelo amor, com que vos fizestes homem, afim de nos salvar, pela misericórdia, com que morrestes por nós na cruz., vos suplicamos, abençoeis nossa casa, nossa família e nossos familiares. Preservai-nos de todos os males e das ciladas dos homens, resguardai-nos de raios, saraivas e incêndios, de enchentes e mau tempo; protegei-nos da vossa ira, dos sinistros intentos dos nossos inimigos, da peste, fome e guerras. Não permitais que algum de nós morra sem os santos sacramentos. Dai-nos a vossa benção, afim de confessarmos com firmeza a nossa fé, que nos guia à santificação; afim de conservarmos também nos sofrimentos e tribulações a nossa esperança e sempre progredirmos no amor a vós e ao próximo. Ó Jesus abençoai-nos e protegei-nos.

Ó Maria, Mãe da graça e da misericórdia, abençoai-nos, resguardai-nos contra o espírito maligno, guia-nos pela vossa mão maternal através desse vale de lágrimas; reconciliai-nos com Vosso Filho e recomendai-nos a ele, para que sejamos dignos das suas promessas.

Glorioso São José, pai nutrício do nosso Redentor, protetor de sua santa Mãe e chefe da sagrada família, sêde o nosso intercessor e protegei sempre a nossa morada.

São Miguel, defendei-nos contra toda a malícia do inferno. São Gabriel, fazei-nos conhecer a santa vontade de Deus. São Rafael, preservai-nos de doenças e de perigo de vida. Santos anjos da guarda, conservai-nos, dia e noite, no caminho da salvação.

Vós, santos padroeiros, rogai por nós junto ao Trono de Deus.

Sim, abençoai esta casa, Ó Deus Pai, que nos criastes, Vós Deus Filho, que padecestes por nós na cruz, e Vós, Deus Espírito Santo, que nos santificastes no batismo. Que a Santíssima Trindade proteja nosso corpo, purifique nossa alma, dirija nosso coração e nos conduza à vida eterna.

Glória ao Pai, glória ao Filho, glória ao Espírito Santo. Amen.

(200 dias de indulg.)

Fonte: Orae, João Baptista Reus, 1934.

Este texto foi útil para você? Compartilhe!

Deixe um comentário